sexta-feira, 17 de outubro de 2008

Burn after reading

Fui ao cinema ver o filme "Burn after reading", que é como quem diz "Destruir Depois de Ler". Adorei.

Gosto imenso de filmes com histórias aparentemente desconexas, mas que se tocam primeiramente de uma forma muito ténue, para acabarem por se entrelaçarem umas nas outras, formando uma história fascinante.

E, ao contrário do que o resto do mundo e da mulherada deve pensar, eu não acho que o George Clooney seja tão bom actor como dizem. É giro, é charmoso, tem boa presença, mas não, de longe, um actor digno de um Óscar. Nem sequer de um Globo de Ouro. O Brad Pitt, por outro lado, é um actor do caraças (expressão técnica que eu gosto muito de utilizar).

Adorei o filme e continuo fã do trabalho dos irmãos Coen. São uns porreiros.

Aconselho vivamente o filme.

Mas, se possível, vejam sem gajas histéricas atrás de vocês, que dão pulos na cadeira e gritinhos desenfreados sempre que o Brad Pitt ou o George Clooney entram em cena. Não façam como eu, que me sentei mesmo em frente a essa gente...


Newsflash ladies: vocês NUNCA vão arranjar homem se continuam a comportar-se como gatas com o cio de cada vez que um homem bonito e charmosos aparece, ok?

13 comentários:

saves disse...

Já me puseste o bichinho de querer ir ver o filme. Bandida. Que faço eu agora? É impossível ir ver um filme, cá em Braga, sem galinhas cacarejantes por trás. Eu, pelo menos, nunca tive essa sorte. :(

_+*A Elite in Paris*+_ disse...

Ainda não vi! mas ja li tantas criticas boas como criticas mas! :)

Beijo meu ♥,

A Elite

Alguém disse...

Eu já vi! ihihih adorei! Mesmo mesmo. Queria mais quando ele já tinha acabado. lol Muito bom

Miss Kitty disse...

Já fui ver quando estreou e não gostei.. se calhar tava à espera de mais, não sei..

*BJS*

Feitiozinho disse...

oh salto, pior que gajedo histérico atrás de nós é mesmo uma familia feliz que canta a musica do anuncio da super bock, aquela com uma tipa completamente desafinada que parece que sofre de cólicas renais...

Fiquei com um trauma em relação a essa música... acho que preciso de um psiquiatra!

Pedro Barata disse...

Também gosto desses filmes de histórias diferentes que se cruzam.

Obrigado pela sugestão.

Bjinhos

ci disse...

Bela sugestao...

beijos da ci

Joana do Açúcar disse...

ahahaha brutal!
é mesmo essa a mensagem!
Mas, das umas uma...ou eram pitas e nunca provaram nada de bom. Que totós.
Nao as mandaste calar? Eu já fiz isso, educadamente claro. Pois é com classe que conseguimos as coisas ;)

Ah, quanto ao filme, tenho de ir ver!!
E tb acho que o Brad se tornou num actor do caraças...deixou de ser ícone e passou a ser um grande profissional.

Joaninha disse...

hihihi,

Já fui ver, é fantastico o filme.

beijos linda.

Krippmeister disse...

É muito bom sim senhoira.

Prás meninas histéricas do banco de trás só tenho isto a dizer: Se tiverem o cuidado de não me dar pontapés no banco enquanto têm os seus orgasmos, pode ser que ainda saiam do cinema com as entranhas do lado de dentro...

Mariana disse...

já ouvi dixer bem deste filme mas ainda nao fui ver

bj

Gracinha disse...

Ainda n chegou cá :/ mas quero muito ir ver!

poupinhas disse...

Eu fui ver este sábado e não gostei assim muito, não saltei cada vez que via o Pitt, porque aquelas mexas de cabelo loiro eram horrorosas.. o Clooney continua com um peito (biceps) jeitoso para a idade. A moça bem que precisava das ciurgias.. ou seja, estava à espera de mais..
Um Beijinho*