segunda-feira, 8 de março de 2010

Quer-se igualdade em tudo, mas depois festejam-se datas discriminatórias.

É estúpido haver um dia em que se celebra o "Dia da Mulher". É parvo, discriminador e menospreza as mulheres. Celebrar o "Dia da Mulher" desprove totalmente o sentido do termo "feminismo", que designa o movimento social que defende igualdade de direitos entre homens e mulheres em todas as áreas. Que me perdoem os que encontram algum sentido na celebração deste dia. (E não venham com tretas de "ah, é para festejar todo o esforço que as nossas antepassadas desenvolveram para a mulher se emancipar" - é o caraças. Antes fosse.)