quinta-feira, 31 de julho de 2008

Serviço Público #2

Como sabem (se não sabiam ficam agora mesmo a saber), amanhã parto para um destino paradisíaco em Espanha (não interessa qual é, se eu vou, é paradisíaco e pronto). Mas não vou sozinha, vou com um grupo de amigos. Pois bem, urge estabelecer regras, que cá a Salto gosta muito de rambóiada mas isto não é uma selva. O aviso foi publicado em local próprio mas isto de confiar em alguns sites nem sempre funciona (e não funcionou), por isso vejo-me obrigada a republicá-lo aqui:

Caro colega; não sei se já fizeste bem as contas, mas falta um dia para partirmos para o lugar X, que os cuscos leitores do blog queriam saber mas eu não vou dizer. Sim, falta mesmo um dia, é já amanhã que começam as férias! Sabes, aquelas férias que toda a gente pensou que nunca iam chegar a acontecer e que íamos acabar todos a molhar os pezinhos no Rio Este! Exactamente, essas! A 1 dia da viagem ainda não há malas nem listas feitas, mas já há bombas a explodir para onde vamos… Como é fácil de concluir, para onde quer o nosso grupo vá, há sempre estrondo!^^ Agora a parte importante: há uns anúncios de última hora a fazer:

1 - a ETA andou a fazer das suas na zona da Andaluzia, por isso e para não correr o risco de ser repetitiva e cansativa, só para o ano que vem é que vai voltar a tentar – logo, estamos seguros (lógica da batata: se já estourou, não estoura mais);

2 – já comprei o UNO, por isso nenhum de vocês está a salvo, vão todos jogar e o perdedor tem que comer as costeletas que o Dr. T. cozinhar (a não ser que a perdedora seja a Dra. pensamentovadio, caso em que ela terá de comer apenas meia costeleta cozinhada pelo ilustre Dr., acrescida de um valente prato de arroz de atum);

3 - não te esqueças de levar máquina fotográfica munida de vários cartões de memória de grande capacidade e pens (sim, vão ser assim taaantas fotos);

4 - sem café pela manhã eu tenho mau homor matinal e se me disseres a mesma coisa duas vezes seguidas habilitas-te a levar semelhante bufardo que durante um mês andas a Cerelac;

5 - são absolutamente proibidas as seguintes cantorias durante o duche (o teu e o dos outros): "As mamas da cabritinha" do Quim Barreiros, "Nós Pimba" do Emanuel, qualquer uma do Marco Paulo, do Roberto Leal ou da Ruth Marlene. Melhor ainda, não cantes nunca.

6 - sou friorenta como o caraças, por isso leva roupa quentinha para ti e não contes com a minha mantinha vermelha e fashion. Tocas-lhe e morres.

7 - As cozinheiras oficiais (Salto-Alto, C.J. e Alguém) têm direito a várias regalias, com possibilidade de negociar outras: banho em 1º lugar, o melhor sofá depois de cada refeição e meia hora diária extra para estarem na única casa-de-banho da casa, nem que seja para ler a revista "Maria" lá do sítio ou cuscar acerca dos restantes moradores.. Se a quiseres usar nessa meia-hora, é melhor ires ao café.

8 - A vontade das mulheres da casa é sempre a que prevalece.

9 - A Salto-Alto e a pensamentovadio têm a faculdade de poder reclamar com tudo e com todos, sendo que a pensamentovadio tem a faculdade acrescida de poder reclamar directamente para o Reitor.

Se quiseres regressar vivo da viagem, aconselho-te vivamente a respeitar cada uma destas regras. Boa viagem e rezemos para não serem umas férias bombásticas...
Quanto a mim, estou oficialmente em pânico: como conseguir enfiar numa só mala roupa a combinar para as mais variadas ocasiões sociais, sapatos e bolsas a condizer? Que nervos!

Assédio Sexual (Cartoon do dia)


quarta-feira, 30 de julho de 2008

Ai, Batman Batman...

Ontem fui (finalmente) ver o último filme do Batman, The Dark Knight, ao cinema. Estava ansiosa e tinha as expectativas bem lá em cima. Não foram frustradas. Adorei o filme, mas a verdade é que há que reconhecer que o filme vale o que vale por causa dos actores. Não preciso de reconhecer o talento dos experientes Michael Caine, Morgan Freeman e Gary Oldman. O próprio Christian Bale já deu provas do seu talento em filmes como O Maquinista, The Prestige, entre outros. Mas há que lamentar não só a morte do talentoso actor Heath Ledger, mas também o aproveitamento que os abutres Hollywoodescos estão a fazer à custa da tragédia de que ele foi vítima. É acompanhar a sua infelizmente curta carreira como actor para constatar que era um astro em ascensão. Já em Brokeback Mountain ele mostrou a sua capacidade de interpretar um papel e absorver a personagem. E este filme do Batman não valia o que vale se não fosse ele. Fiquei maravilhada e boquiaberta com o seu talento neste filme. Já se adivinhava, já. Mas não assim. Sinceramente, espero que lhe seja atribuído o Óscar a título póstumo mas porque ele merece, e não por qualquer pobre e desonrosa tentativa de marketing.

Não pude deixar de notar (e descansem os mais púdicos, não vou fazer nenhuma piada que envolva os termos Batman, mulheres e Batcave...) que durante todas as cenas do filme em que apareciam o Batman e o seu Batmobile havia suspiros na sala e quase se podia ler os pensamentos dos homens (Quem me dera ter o carro do Batman) e das mulheres (Quem me dera ter o Batman)...

terça-feira, 29 de julho de 2008

Consciência feminina vs. Prazer da gula

Vai a semana no início e já caí em desgraça... Ultimamente não páro de cometer o mais delicioso dos pecados capitais: a gula. E logo eu que nunca fui gulosinha... Tinha que ser o meu estúpido cérebro esquizofrénico: chega a época balnear e vai de ansiar exasperadamente por mais uma gominha e mais um geladinho... Não há balança, bikini ou mini-saia que aguente! No Inverno está ele sossegadito, a pedir uma sopita e um chazito, tudo muito dietético e disno da refeição de uma menina bem. Agora basta vir a porcaria do calor e o idiota só pensa em coisinhas más para os dentes e para as calorias. E vai daí passo eu as tardes no escritório, a babar para cima do computador enquanto me imagino a saborear um swirl de marshmallows (há que pagar a publicidade, que eu tenho que pagar a viagem :p)... E o pior é que se caio na tentação e lá vou eu saborear o geladito a estúpida "consciência da balança" não me larga o resto do dia... Arre! O que custa ser mulher...

sexta-feira, 25 de julho de 2008

Obrigadinha S.Pedro, és um fixe...

S.Pedro: Olé! É só para agradecer a merda de tempinho que tens mandado fazer cá em baixo. Sim senhor, ó Pedrocas, quando eu tenho que trabalhar é um sol e um calor do caraças, mas basta eu dizer que vou para a praia no dia seguinte que tu encarregas-te logo de mandar chuvinha, que é bom para as plantinhas mas muito mau para o meu cabelo. E tu queres saber? É o queres! Olha, fica a foto do único dia em que fui mais esperta que tu e só decidi não aparecer no trabalho quando já estava com o pezito na piscina. Ora toma! E foi mesmo para mais tarde recordar... obrigadinha. Continua assim... Deves ter muitos amigos, deves...


segunda-feira, 21 de julho de 2008

São estes!

São mesmo, mesmo mesmo mesmo estes que eu quero! Engana-se quem pensou que eram outros. São estes! Louboutin sabe do que eu gosto! Quem tiver €995 que não esteja de momento a usar podia ser um querido/querida e oferecer aqui à Salto no tamanho 37. Voluntários? Ajuda se eu disser que era muito feliz se tivesse este par? Não? Nem um pouquinho? Vá lá...

Afinal este também é jeitoso

http://cronicadumbloguotico.blogspot.com

quarta-feira, 16 de julho de 2008

Iac!

Mas o que é que passa pela cabeça dos homens para deixar fazer a conjugação de cabelo à Marco Paulo na década de 80, bigodinho à portuga e corrente grossa de ouro ao peito, semi-escondida pela floresta amazónica de pêlos encaracolados aí sediada?! Será um desejo secreto de exclusão social? Ou de suicídio visual? A sério, se eu fosse gajo não queria mesmo aspirar a ser o novo Tony Ramos versão (mais) pimba! Meus senhores (se bem que “senhores” não é o termo mais correcto para chamar estes indivíduos): ter pêlo em todo o lado não é sinónimo de masculinidade nem de testosterona a escorrer pelos poros, ok? Pensem nisso por favor e deixem os meus olhinhos descansar…

segunda-feira, 14 de julho de 2008

É oficial.

A partir de hoje, odeio segundas-feiras.

É o que temos...

Há assuntos que me fazem soltar a língua e dizer uns quantos impropérios. Há sim senhor. E porque me lembrei disto? Porque eu gosto muito deste governo. Poupa-me umas quantas idas ao cinema. Os nossos ministros proporcionam-nos momentos ora de comédia ora de drama constantes! Ver este governo actuar é a mesma coisa que ver filmes como o Cloverfield ou A Guerra dos Mundos! Ou seja, estão a destruir o nosso país e a lixar a vida dos seus habitantes e nós ainda pagamos o bilhete (sob a forma de impostos e de eleições nestes gajos) para ver…
Porque me toca de modo particular, irrita-me profundamente o actual Bastonário da Ordem dos Advogados. Eu não sei muito bem o que passou pela cabeça dos colegas que o elegeram… Palavra. Eleger um homem que passa mais tempo no programa da Fátima Lopes do que no seu gabinete não me parece uma escolha muito sã, mas pronto, é o que temos… Tenho para mim que se o homem com tal cargo passa os dias a congeminar como lixar ainda mais a vida aos advogados, elabora estatutos novos mês sim mês não e as suas aparições públicas se resumem ao mesmo programa que tem as rubricas “Árvore das Patacas” e a “Tertúlia Cor de Rosa” enquanto o antigo bastonário faz o servicinho dele e vai a programas noticiosos importantes é porque a escolha não foi a mais certa...

sábado, 12 de julho de 2008

Sou má...

E pronto, já está! Primeiro dia a trabalhar e já fiz alguém perder a sua televisão plasma... E ainda querem que os advogados tenham boa reputação...

quinta-feira, 10 de julho de 2008

Mais um passinho

E pronto, já está! Hoje dei mais um passinho a caminho da vida dura de jurista. Que venha o estágio. E depois as merecidas férias... Para depois voltar às aulas na Ordem... Tantos anos quis estudar para exercer... E agora estou prestes a exercer para estudar... Algo aqui não me parece bem, Senhor Bastonário...

sábado, 5 de julho de 2008

Notícia de Última Hora

São 14h52.

[bloqueio mental dá nisto :( ]

quinta-feira, 3 de julho de 2008

Dúvidas que me assolaram hoje à cabeça...

Será que um homossexual gosta mais da sua salsicha do que os outros homens?
Afinal de contas eles gostam é de churrascada...
E as mulheres sexualmente curiosas (ou seja, lésbicas) têm algum gosto especial por fruta?
Nomeadamente marmelos?

quarta-feira, 2 de julho de 2008

A velocidade a que eles fazem ceninhas

Qual é a obsessão dos homens por carros e velocidade? Não percebo mesmo! Porque é que acham que têm de desafiar constantemente os limites de velocidade como se dos limites da sua masculinidade se tratasse? O carro deles tem de ser o primeiro a arrancar mal o semáforo adquire um tom ligeiramente esverdeado, tem sempre de andar colado ao carro que vai à frente e nem que o limite seja de 50 insultam o condutor do carro da frente por andar a 70... Já para não dizer que quando passam por um carro de uma marca bonita (para não dizer estupidamente cara) babam e, para se sentirem melhores com eles próprios, querem logo ver se não está a ser conduzido por uma mulher (geralmente loira) para comentarem muito depressa que o carro só pode ser do pai ou do marido... E nós é que somos as invejosas!!! O que eu gosto mesmo é quando eles vão a 100, avistam uma curva a 300 metros e decidem que o melhor é primeiro ultrapassar os 3 carros que vão a 120 à frente deles de modo a que mal lhes dê tempo de abrandar o suficiente para fazer a curva sem o sabor do que comemos ao pequeno-almoço nos assomar à boca... É bonito de se ver... E no fim ainda se lamentam que podiam ter usado o travão de mão para fazer a curva... As mulheres têm um gene que as impede de fazer estas figurinhas. Conduzem com muito mais prudência (o que não significa com menos velocidade) e não andam para aí a exibir os seus dotes de condução como se estivessem num concurso de "vamos ver quem é a mais mulher daqui"... A sério, meus senhores, isto não é uma competição constante e vocês não não super-heróis que têm de estar em 30 segundos no vosso destino senão toda a humanidade é dizimada. Acreditem em mim.

Mas a parte que eu mais gosto é quando eles criticam as mulheres por saberem o nome de 34.656.231 cores e por falarem de roupas e sapatos quando eles sabem TODAS as marcas e respectivos modelos de carro, as velocidades, cilindrada, etc etc etc (baboseiras) de cada um dos modelos de cada uma das marcas e falam constantemente disso...

Haja paciência...