quarta-feira, 31 de dezembro de 2008

E pronto, não resisti... BOM ANO DE 2009!!

À semelhança do que fez a minha amiga Pensamento Vadio, também eu decidi fazer uma mini retrospectiva deste ano.

Devo dizer que os melhores do meu ano foram:

- ter sido roubada (furtada o caraças, o gajo que escreveu o Código Penal claramente nunca foi assaltado) - e porquê? Porque no momento em que me apercebi da falta da minha carteira, os 7 amigos que estavam comigo desataram a virar o restaurante de alto a baixo, vasculharam tudo e mais alguma coisa, inquiriram testemunhas, chamaram as autoridades, a Pensamento Vadio pagou-me o almoço (ainda te devo os 3 euros do Happy Meal), o Bloguótico e a Super Poderosa pagaram-me as viagens de comboio e ainda houve uma tarde inteira de tentativas de me fazer rir, desde as piadas, às fotos, à cantoria e à dança;

- receber um caderninho oferecido pelos meus amigos, no qual estes fizeram colagens e me deixaram várias mensagens;

- ter um Homem como namorado (e há pouca coisa que ele não saiba fazer bem... pronto, até há,mas lá boas intenções tem ele... valha-nos isso! ;p);

- ter recebido presentes durante todo o mês de Dezembro - não estou a ser materialista, apenas estou a dar valor a demonstrações de carinho e afecto que me chegaram por via material, ok?;

- receber uma máquina fotográfica super linda e potente e boa e jeitosa (não é uma gaja, é mesmo uma máquina);

- ter-me apercebido que a amizade é algo muito mais forte do que estar com alguém todos os dias, é discutir e resmungar, rir e chorar, reclamar e tolerar e no fim sentir um vínculo forte com essa pessoa. Tenho a imensa sorte de vos ter como amigos e vos ir descobrindo a cada dia que passa;

- ter deixado de confiar a 100% nas pessoas (obrigada N.);

- ter aprendido com os erros, os meus e os dos outros (mais dos outros porque eu a modos que sou perfeita);

- ter aprendido que a estupidez dos outros nem sempre é uma coisa necessariamente má;

- ter terminado o curso;

- ter comprado mais sapatos do que em qualquer outro ano;

- ter ganho no karaoke e no bowling (são as 2 mentira mas o que conta é a maneira de como eu escolho lembrar-me das coisas);

- e muito, muito, muito mais mas agora estou com preguiça para pensar.

- ah, ter começado o blogue e ter visitantes e comentadores fantásticos, que me acompanham, deixam palavras simpáticas, escrevem posts e dedicam-mos, etc etc etc. Vocês são fantásticos e eu gosto imenso de vos ter por cá! Para vós, o meu mais sincero obrigada. :)


A todos, os meus sinceros votos de um ÓPTIMO ANO de 2009, cheio de alegria, amigos, diversão, saúde, dinheirinho, desejos realizados, metas alcançadas e sapatinhos bem confortáveis e elegantes!



terça-feira, 30 de dezembro de 2008

Em busca das plumas esgotadas

Como gajas com garra que somos, eu e as minhas amigas decidimos comprar plumas para a Passagem de Ano (e não só, confesso).

Pois a saga em busca das plumas já dura há pelo menos uma semana. E com o dia 31 a aproximar-se, já nos estávamos, em bom português, a passar da cabeça.

Eis que hoje recebo um sms da Pensamento Vadio com os seguintes dizeres:

"Olha, tem plumas na Dig loja. Fica na rotunda antes do Continente, lado dto dp nos semáforos viras a esq e dp a dto. Só tem msm 3 e só preto, branco e vermelho. Foi a cat q disse. Diz à Super Poderosa e s forem lá tragam para mim tb."

Já se está mesmo a ver: a Cat ligou-lhe e ela agarrou as informações que foi ouvindo. Mal.

A acrescer ao total engano nas direcções, não dizia de que lado da cidade tínhamos que vir para ser a rotunda antes do continente e a falta de vírgulas também não ajudou...

Era "viras à esquerda e depois vais a direito" ou "viras à esquerda e depois à direita"?!?!

A única solução que encontramos, depois de andar 10 minutos à volta das ruas que circundam o Continente e com os risos e a pressa a pesar (sim, porque as lojas fecham às 19h e a nossa busca começou às 18h45), foi ligar à Cat. para ouvir as informações.

Claro que a Super Poderosa se esqueceu que eu sou péssima a ouvir informações.

Resultado: a única coisa que consegui perceber foi que a Cat. pretendia ir à sex shop procurar as plumas mas como essa loja fica num sítio manhoso, perdeu-se. E foi quando estava perdida que encontrou a loja "BIG qualquer coisa" e não "DIG qualquer coisa", senhora Pensamento Vadio!!! Nem sabe nos trabalhos que nos meteu!

Ainda por cima aquela zona da cidade não é propriamente bem frequentada... E dá-te por contente por nós não termos pedido indicações, porque se eu pergunta-se pela loja DIG e se rissem na minha cara, dessem direcções erradas e ainda me chamassem burra por não saber dizer "grande" em inglês ias ter a pior passagem de ano da tua vidinha!

E mais acresce que dizer a alguém que se tentou ir a uma sex shop mas que se acabou numa loja com o nome "Big" não é necessariamente mau, se é que me faço entender... ;)


Mas pronto, plumas compradas. Adivinhem com que cor fiquei...

segunda-feira, 29 de dezembro de 2008

A Decisão

Finalmente escolhi a minha indumentária para a Passagem de Ano:


Ok, agora a sério, é este o conjunto:E então? Aprovado?


(depois, se fizerem mesmo questão, há fotos)

NOTA: sim, a imagem foi feita por mim no Photoshop. Já começo a dominar aquela coisa. Afinal pegar em fotos e pôr uns efeitos jeitosos, cortar aqui e pôr ali não é assim tão difícil ora!

domingo, 28 de dezembro de 2008

Resultados do Jogo dos Gostos

Em primeiro lugar, peço imensa desculpa pela demora. E pela demora em cima da demora. Eu sei que adiei de mais, mas foram muitos a responder e isto não é coisa para se corrigir em cima do joelho.

Em segundo lugar, obrigada por terem aderido! Não esperava uma adesão tão grande! Vocês são um máximo!

Ora cá vão as respostas:

O JOGO DOS GOSTOS

1 - Os desenhos animados da minha vida foram...

a) Garfield
b) Dartacão
c) Peanuts
d) Dragon Ball

2 - A produção portuguesa que mais curti foi...
a) Morangos com Açúcar
b) Médico de Família
c) Jornalistas
d) Duarte e Companhia

3 - A minha série preferida de sempre é...

a) Seinfeld
b) Sexo e a Cidade
c) Coupling
d) Allô Allô

4 - O filme que mais gostei foi...
a) Chocolate
b) O Fabuloso Destino de Amelie Poulin
c) Condenados de Shawshank
d) Chicago

5 - A Amy Winwhouse é uma das minhas cantoras favoritas. Não sei se está viva, morta ou assim-assim, mas a minha música de eleição é...

a) Tears dry on their own
b) Love is a loosing game
c) Rehab
d) You Know I'm No Good

6 - O cantor português que mais gosto de ouvir é o...
a) David Fonseca
b) Rui Veloso
c) Paulo Gonzo
d) João Pedro Pais

7 - O desporto que mais gosto de praticar é...
a) fazer sprint de saltos altos na calçada;
b) atravessar a passadeira quando o sinal para os peões está vermelho;
c) comprar roupa, sapatos, malas e acessórios nos saldos;
d) basket.

8 - O meu número preferido é o...
a) 16
b) 17
c) 19
d) 20

9 - A minha zona predilecta para passear é...
a) na praia,
b) no centro da cidade, com luzes de Natal,
c) num shopping,
d) num shopping em saldos;

10 - O prato que mais me faz 'enfardar' é... (uma senhora não enfarda, empanturra-se, senhor Pedro Barata!...)
a) Arroz de Pato
b) Lasanha
c) Frango assado com batatas assadas
d) Bife a cavalo com batata frita.

11 - A sobremesa que tanto gosta e que tem o dom de me encolher as calças é...

a) Tartes
b) Pudim
c) Gelatina
d) Mousse de chocolate

12 - Os homens que mais me atraem são...

a) Os machos latinhos, com bigodes farfalhudos, palito na boca, barrigona grande, camisa desapertada até debaixo do peito e mãos gordurosas;
b) Loiros mas homens
c) Morenos
d) Gays

Pois é, havia questões em que eram 2 as respostas certas e não uma. Sim, porque gaja que é gaja tem o seu quê de misteriosa e complexa. Eu sou lá mulher de me bastar a uma resposta certa?! ;)

E agora, os resultados, por ordem de participação:

Alguém - 7 respostas certas

Krippmeister - 5 respostas certas

Pedro Barata - 6 respostas certas

Miss Kitty -Eliminar4 respostas certas

Minhoca - 5 respostas certas

Rita - 8 respostas certas

ACP - 5 respostas certas

Zanine - 4 respostas certas

Laidita - 6 respostas certas

Sweetie - 6 respostas certas

Ninja - 9 respostas certas

Majo -7 respostas certas

Skywalker - 3 respostas certas

XS - 4 respostas certas

Satine - 6 respostas certas

Aralis - 5 respostas certas

Fênix - 6 respostas certas

Filipa - 7 respostas certas

Jorge Rita - 5 respostas certas

Snoopy - 5 respostas certas

Dante - 4 respostas certas

Donnola - 6 respostas certas

Anjo de Cor - 6 respostas certas

Inv3RSo - 5 respostas certas

Eu mesma! - 4 respostas certas


Por uma questão de justiça (sim, ao menos o curso de direito valeu-me para perceber de injustiças...) excluo os meus amigos como vencedores. Era óbvio que eles iam acertar mais (o que não aconteceu em todos os casos... vocês vão ver...).

Por isso, os grandes vencedores são:

Grande Vencedora: RITA!


Segundo Lugar (ex aequo): MAJO e FILIPA!


Menção honrosa: Fênix, por ter sido o único a acertar na minha série favorita!


Mais uma vez, obrigada a todos por teresm participado na brincadeira! Beijinhos!

Quero agradecer a todos os visitantes e comentadores que, embora eu tivesse deixado de responder aos comentários e embora o número de posts publicados tenha descido muito, por circunstâncias que me são alheias mas que me ocupam imenso, sempre aqui vieram, sempre deixaram umas palavrinhas, sempre tiveram coisas simpáticas para me dizer. Muito obrigada! :)

Vou publicar hoje, às 20h, os resultados do jogo. :)

Oh Happy Day!

Como andorinha que anseia pela Primavera, eu anseio pelos saldos.

Hoje não me procurem. Vou estar numa loja em saldos perto de si.

sexta-feira, 26 de dezembro de 2008

Update #3 (com bónus!)



Aqui estão fotos do meu aniversário, festejado em 3 dias diferentes (desculpa para a borga, foi o que foi!): teve 2 jantares com os amigos, 2 bolos, karaoke e bowling.

Primeiro porque assim fica publicamente reconhecido o trabalho e esforço que os meus amigos tiveram para me mostrar que gostam de mim e que até sou importante para eles. E segundo porque acho que prometi demais sem cumprir, decidi compensar.


[A Salto abraça o "Pequenino", o Snoopy e o Rod e o Kal-Car - não pus o meu abraço
aos outros porque senão éramos todos reconhecidos ;)]

Na Sexta- festa houve festa "surpresa" (eu só sabia que havia festa mas não sabia em que consistia). Tinha uma sala totalmente enfeitada, com direito a balões (num deles lia-se "Viva os Noivos", mas os maus sapientíssimos amigos tiveram a grande ideia de alterar tais dizeres para: "Viva os Noivos? Não! Viva a Filipa!", o que é muito estranho uma vez que nenhum dos meus amigos me chama Filipa...).
Foi uma noite muito gira e muito divertida, com direito a plumas, abraços, lágrimas, risos, desafinanços, duelos e duetos, moches (ainda tenho nódoas negras a comprovar) e muito mais. Até tive direito a um caderninho especial com fotos e dedicatórias que me deixou uma lágrima no canto do olho.
Já para não dizer que tive direito a plumas rosas para as minhas prestações no karaoke! :)

Segunda à noite foi noite de Bowling. Não me consagrei "Salto - A mestre do Bowling", mas valeu a pena!
video

(com vozes de Ninja e Super Poderosa e a participação especial do "meu" Pequenito amigo (sim, o berrinho vergonhoso que diz "Vai Pequenino" é meu e o "Boa!" é da Pensamento Vadio...)

quinta-feira, 25 de dezembro de 2008

Eu avisei, pá!

Eu já não estou farta de avisar que não sou grande apreciadora de chocolate e que por isso preferia não receber caixas de bombons no Natal? Arre!

Já sei, já sei, o que conta é a intenção...

...para o ano que vem alguém vai receber uns presentinhos cheinhos de intenções...




(atenção: antes de começarem os insultos e as bocas "ah, há pessoas a morrer à fome e muita gente que não celebrou o Natal porque não pôde e tu és pobre e mal agradecida": este post é uma brincadeira, eu não sou (muito ;p) materialista. Aliás, o meu presente favorito de sempre foi um caderninho que os meus amigos me ofereceram, cheio de fotos nossas e mensagens deles para mim. E eu sou contra a troca de prendas entre adultos, acho que o Natal deveria ser mais simbólico. Apenas prendas para as crianças. Acho que vou começar um movimento anti-presentes de Natal para crescidos. Isto se para o ano não tiver mais que fazer.)

quarta-feira, 24 de dezembro de 2008

Feliz Natal (é p'ró menino e p'rá menina!)

A todos os meus leitores e comentadores:


Os meus mais sinceros votos de um FELIZ NATAL, cheio de surpresas óptimas, um sapatinho (lindo, chique e estiloso) cheio de alegria, prendinhas, saúde , dinheirinho para todos e de gajas boas para os homens (ou "A" gaja boa para eles) e de Homens (só Homens, com "h" grande, para nós (se existir algum) já é o suficiente)! :)



BOM NATAL E UM PRESENTINHO DA SALTO:

PARA OS MENINOS:E PARA AS MENINAS:
;)

Update #2

Era só para informar que o grandessíssimo mal educado e insensível gajo que me levou a carteira E o telemóvel nem sequer (e para já, estou disposta a fazer uma retractação se ele se redimir) me enviou uma mensagem a desejar um bom Natal na companhia dos meus. Enfim. Espero bem que o Pai Natal esteja a ver isto e me decida compensar, hã?

terça-feira, 23 de dezembro de 2008

Update #1

Já há 3 semanas que não consigo parar mais do que 15 minutos ao computador sem ter nada para trabalhar, ou seja, sem poder visitar blogues e vir ver o meu próprio. Finalmente hoje consegui.

Antes de mais, agradeço a todos os que me deixaram palavras carinhosas e que me desejaram todas aquelas coisas boas! :) Obrigada! :)

Como prometido, vim aqui contar as "novidades" (agora nada frescas) e publicar algumas fotos. Hoje vou contar apenas uma, porque estou exausta...

Em Dezembro comecei a minha formação, que me obriga a ter uma autêntica vida de presidiária (tenho recolher obrigatório e tudo). 6h15 a pé e só almoço às 15h30, com sorte.

Como bem se devem lembrar [e se não se lembram não são merecedores deste meu parágrafo! ;)], num post (mais precisamente neste) referi que tinha tido uma semana de merda. E de facto, tive. E porquê?, perguntaram vocês. Por várias razões. Uma delas foi uma certa ligeireza na minha bolsa.

Almoçava eu com os meus amigos do costume num famosíssimo e chiquérrimo restaurante (era mesmo o McDonalds, esta descrição era para dar um ar mais hollywoodesco à coisa) quando de repente, alguém se compadeceu do peso que eu carregava na minha bolsa (tinha códigos e tudo!) e decidiu dar-me uma ajudinha, libertando-me do peso da minha própria carteira e do meu telemóvel da TMN. Há gente muito querida e simpática.

Claro que eu tenho os melhores amigos do mundo, que rapidamente começaram numa saga à procura da dita cuja, mas não a encontraram.

Sinto no mais profundo do meu ser que o larápio era do sexo masculino. Aliás, sei-o, porque preferiu levar a minha carteira em vez de levar a da minha amiga sentada a meu lado, que tinha uma muito mais bonita. Por isso sei que foi um homem. Mais!: um homem sem gosto nenhum e sem sentido de moda. A minha já era do ano passado e a dela era desta estação. Enfim, há coisas que se não nascem connosco, nunca mais aparecem.

Mas o que me deixou mais indignada foi o facto de o senhor ladrão nem sequer me ter enviado um sms no dia do meu aniversário a desejar-me os parabéns, um dia feliz e saudinha para mim e para os meus! Quer dizer, além de ladrão é extremamente rude e mal-educado! Ele tinha (e ainda tem) o meu B.I. (sim, que aquele B.I. com aquela foto minha tão catita não é nada de se deitar fora!)! Ele sabia muito bem que eu fazia 24 anos no dia 20! E se eu estivesse com TPM e estivesse deprimida por ficar um ano mais velha? O caraças do homem nem sequer me mandou uma mensagensita para me animar! Insensível! (E com isto temos um ladrão sem qualquer sentido de moda e de beleza, rude, mal-educado e insensível - é só pistas para a polícia, minha gente!).

Amanhã volto com mais updates, fotos e tudo o mais e os resultados (mais do que prometidos e atrasados do jogo!)

Beijocas!

sábado, 20 de dezembro de 2008

Confirma-se, não me saí nada mal no karaoke! ;) Sou capaz até de ter arrasado! É o que dizem! ;)

P.S.: Um muito obrigada a todos os que me vieram aqui deixar as suas palavrinhas carinhosas e votos de muita coisa boa. Obrigada, a sério. :)

E um obrigada especial à Majo, pelas lindas palavras que me dirigiu*(ver aqui). Beijinho!

*Estas:

"Especial Parabéns!
Como hoje a Salto-Alto faz anos, decidi fazer este post especial para ela.
Podem vocês dizer: "Mas, então, tu nem a conheces pessoalmente!"
Pois não conheço. Mas já faz parte da minha vida, do meu dia-a-dia, mesmo que seja virtual. E porque gosto da sua postura. E porque me faz lembrar uma amiga, também advogada, mais ou menos da mesma idade, que tem a mesma saudável "loucura" que ela.

E faço este post porque me apetece.

E quem sabe começo aqui uma tradição... Fazer um post especial de Parabéns para cada um dos vizinhos bloguistas que visito e que visitam o meu blog.

Saltinho: Especial para ti... com desejos que tenhas um dia muito feliz e cheios de mimos, na companhia dos que mais amas.


Bjinho grande"

sexta-feira, 19 de dezembro de 2008

A Salto faz 24 aninhos amanhã!

Estes 15 dias de corre corre para todo o lado acabam em grande! Pois é, amanhã faço 24 aninhos. E porque eu gosto e tudo em grande e não faço a coisa por menos, a minha festa de anos vai durar 3 dias, com um de descanso pelo meio! Isto não é para quem quer, é para quem pode! ;)

Hoje há festa surpresa, que já não é muito surpresa porque eu sei que os meus amigos me estão a preparar alguma coisa, só não sei é o quê! E sei que acaba em noite de karaoke porque foi a minha exigência. Borga nunca pode faltar.

Amanhã de tarde vou dar um espectáculo para crianças e à noite tenho outro jantar de aniversário (e aí vão 2!).

O Domingo é para descansar que ninguém aguenta tanta festa seguida. Ou melhor, os meus amigos sabem que quando eu durmo pouco fico eléctrica e por isso não querem aguentar com os efeitos secundários das noites pouco dormidas de sexta e de sábado.

Segunda a festa continua: almoço de aniversário com umas amigas, jantar com os amigos (mais um jantar de aniversário em conjunto com um jantar de Natal)e noite de bowling.

Supostamente este era o aniversário que eu tinha para descansar... Ou seja, avizinha-se outra semana difícil... Mas que começa em grande, sem dúvida!

Depois passo aqui para contar as novidades, quiçá mostrar algumas fotos e, claro, divulgar o resultado do jogo, que já está prometido desde segunda!

Beijocas!

quarta-feira, 17 de dezembro de 2008

Aos bem humorados benfiquistas ;)

O Benfica é como os tomates:
Também é vermelho, participa na festa, mas nunca chega a entrar...

P: Como é que se sabe, se um automóvel é antigo?
R: Se houver um autocolante no vidro traseiro a dizer 'Benfica Campeão'.

P: Porque é que o Benfica vai passar a ser patrocinado pela BP?
R: Porque a BP dá pontos.

P: Porque é que os benfiquistas vão começar a plantar batatas nas margens do relvado?
R: Para terem algo no final da época.

P: O que é que o general Pinochet e o Benfica têm em comum?
R: Ambos juntam as pessoas em estádios de futebol para as torturarem.

P: O que é um adepto do Benfica abandonado no espaço?
R: Um problema.

P: O que são dois adeptos do Benfica abandonados no espaço?
R: Um problema ainda maior.

P: O que são todos os adeptos do Benfica abandonados no espaço?
R: A solução do problema.

P: O que é que o treinador do Benfica diz quando a equipa marca um golo?
R: 'Fantástico. Agora vamos tentar marca na outra baliza...'

P: Sabe quando é que o Benfica vai ser campeão?
R: Quando o Estado acabar com as listas de espera.

P: Sabe porque é que o Quique Flores veio para o Benfica?
R: Porque os médicos mandaram-no afastar do Futebol.

P: Qual a semelhança entre o Benfica e o Pai Natal?
R: Os dois são vermelho, aparecem uma só vez no ano e só os parvos acreditam nele...


NOVA CLAQUE ORGANIZADA PELO SLB
Vai nascer da união das claques organizadas do Benfica e vai ter o nome M.S.T. 'Movimento dos Sem Título'

Afinal o benfica ainda está nas TRÊS FRENTES!

1 - FRENTE ao Colombo
2 - FRENTE à Mediamarkt
3 - FRENTE à Repsol

P: Porque razão o próximo patrocinador do Benfica será a Tampax?
R: Porque o clube está a atravessar um mau período.


E para terminar:

No dia seguinte ao retorno do SLB da Grécia, a mulher do Luís Filipe Vieira diz:

- Acorda Luís que já são 6!

Resultados do Jogo para amanhã (desculpem o atraso)

Em princípio os resultados do jogo saem amanhã! Desculpem a demora mas esta tem sido uma semana daquelas...

segunda-feira, 15 de dezembro de 2008

E dizem que EU sou eléctrica...

...acho que finalmente encontraram alguém mais eléctrico que eu! ;)


video

sábado, 13 de dezembro de 2008

Tic tac tic tac tic tac

Despachem-se a responder ao jogo, o tempo está a acabar.....

(afinal vou aceitar respostas até à meia-noite de hoje)

sexta-feira, 12 de dezembro de 2008

Afinal hoje até houve o post que eu tinha dito que se calhar não ia haver. Sempre a surpreender, hã?! :)

O JOGO DOS GOSTOS

O Pedro Barata desafiou-se a si próprio e depois passou o desafio. Eu achei a ideia engraçada e lá decidi aderir. É fácil (e passo a citá-lo, fazendo copy/paste porque o facilitismo hoje ganhou):

OBJECTIVO: Conhecerem-me um pouco melhor e, em seguida, fazerem a mesma actividade nos vossos blogues para relevarem mais qualquer coisa sobre vocês. Tudo através dos vossos gostos e preferências.

REGRAS:
Como a dúzia é mais Barata, têm que responder a 12 perguntas. Escolhem uma resposta, em quatro hipóteses, para cada uma das 12 questões. Só há uma resposta correcta por pergunta. No vosso blogue, as 12 questões ficam, obviamente, à vossa escolha.

VENCEDOR: Será aquele que acertar mais respostas, mostrando que me conhece melhor.

PRÉMIO: Será que existe?!?! Hmmm...

RESULTADOS: As respostas correctas e a divulgação dos três lugares do pódio serão reveladas na segunda-feira, dia 15. Até lá, entrem na brincadeira! Joguem e divirtam-se!

O JOGO DOS GOSTOS

1 - Os desenhos animados da minha vida foram...

a) Garfield
b) Dartacão
c) Peanuts
d) Dragon Ball

2 - A produção portuguesa que mais curti foi...
a) Morangos com Açúcar
b) Médico de Família
c) Jornalistas
d) Duarte e Companhia

3 - A minha série preferida de sempre é...

a) Seinfeld
b) Sexo e a Cidade
c) Coupling
d) Allô Allô

4 - O filme que mais gostei foi...
a) Chocolate
b) O Fabuloso Destino de Amelie Poulin
c) Condenados de Shawshank
d) Chicago

5 - A Amy Winwhouse é uma das minhas cantoras favoritas. Não sei se está viva, morta ou assim-assim, mas a minha música de eleição é...

a) Tears dry on their own
b) Love is a loosing game
c) Rehab
d) You Know I'm No Good

6 - O cantor português que mais gosto de ouvir é o...
a) David Fonseca
b) Rui Veloso
c) Paulo Gonzo
d) João Pedro Pais

7 - O desporto que mais gosto de praticar é...
a) fazer sprint de saltos altos na calçada;
b) atravessar a passadeira quando o sinal para os peões está vermelho;
c) comprar roupa, sapatos, malas e acessórios nos saldos;
d) basket.

8 - O meu número preferido é o...
a) 16
b) 17
c) 19
d) 20

9 - A minha zona predilecta para passear é...
a) na praia,
b) no centro da cidade, com luzes de Natal,
c) num shopping,
d) num shopping em saldos;

10 - O prato que mais me faz 'enfardar' é... (uma senhora não enfarda, empanturra-se, senhor Pedro Barata!...)
a) Arroz de Pato
b) Lasanha
c) Frango assado com batatas assadas
d) Bife a cavalo com batata frita.

11 - A sobremesa que tanto gosta e que tem o dom de me encolher as calças é...

a) Tartes
b) Pudim
c) Gelatina
d) Mousse de chocolate

12 - Os homens que mais me atraem são...

a) Os machos latinhos, com bigodes farfalhudos, palito na boca, barrigona grande, camisa desapertada até debaixo do peito e mãos gordurosas;
b) Loiros mas homens
c) Morenos
d) Gays

Espero que achem giro e divertido Fico à espera de respostas! :)

Resultados e respostas aqui.

quinta-feira, 11 de dezembro de 2008

Blackout

Uma vez que tive uma semana de merda (que entretanto descobri ser um "termo juridicamente correcto", nem sequer aqui tenho podido vir. Nem aqui nem aos vossos blogues. :( Pelo enunciado, hoje não há post.

Amanhã? Dificilmente. Veremos.

Desculpem a ausência, não é voluntária, acreditem.

terça-feira, 9 de dezembro de 2008

O Darth Vader era claramente engenheiro

Sempre que um engenheiro é simpático comigo ouço vozinhas maléficas que me dizem "bem-vinda ao lado negro da força"....

Associo sempre "Star Wars", típico filme de geeks aos engenheiros...
Acho que é inevitável...

segunda-feira, 8 de dezembro de 2008

Aspirina é um nome difícil de pronunciar, é? Bolas!

É normal ter uma amiga que sempre nos encontra nos pergunta, com dicção totalmente correcta e pronunciando todas as sílabas, se por acaso não transportamos connosco "algum ácido acetilsalicílico que seja administrado por via oral"? É?

domingo, 7 de dezembro de 2008

Tal como nos filmes

Todas as cenas que se passam nos filmes são envolvidas de uma áurea especial. Caso contrário, não existiria a expressão "é mesmo à filme" (e se calhar não existe, fui eu que a inventei e nem dei por isso).

Até porque nos filmes nada parece natural, retirado da vida real. As situações parecem tão irreais e os diálogos tão estapafúrdios, que parece mesmo um retrato fiel da nossa vida social - NOT!

Se não vejamos esta situação (e hoje só me vou debruçar sobre esta):

A Personagem 1 - doravante designada de Hipólito Hermenegildo - está sentada num sofá que mais parece retirado de um mau catálogo da IKEA dos anos 90. Num sofá perpendicular ao seu, está o seu amigo de longa data mas que já não revê há 20 anos - o Rogério Remígio. O "Miginho" (nome carinhoso do Remígio) narra ao amigo uma história de família rocambolesca. De repente, tem uma visão totalmente diferente da história que já contou vezes e vezes sem conta. Mediante um novo pormenor que é insignificante a todos menos a ele próprio, ele, em vez de continuar sentadinha no sofá, a olhar para o amigo e a continuar a contar a história, levanta-se, olha para o infinito e faz uma revelação bombástica.

Isto acontece-me todos os dias....

sábado, 6 de dezembro de 2008

Conversas L!ngu@rud@$ #2

(clicar na imagem para aumentar)

sexta-feira, 5 de dezembro de 2008

Eu tenho muita sorte #2

Tendo em conta que os blogues fazem parte de um mundinho virtual, nunca pensei que aqui se pudessem criar qualquer tipo de laços relacionais. Enganei-me. Sem querer ser demasiado sentimentalista, é pelos posts e pelos comentários dos bloguistas que os vamos conhecendo um bocadinho, e com isso vamos formando opiniões e simpatias em relação a alguns deles.

Não sei se isto faz de mim uma vadia, mas simpatizo e sinto um carinho especial por quase todos os meus visitantes e comentadores. Entre este grupo, destaco neste post a Pieces of me (Luna). Porquê? Porque escreveu um post em que me incluiu. E porque foi a primeira comentadora a dirigir-se a mim, nos comentários, de uma maneira mais pessoal e afável. Não só comentou o post em si como ainda me deixou umas palavrinhas muitíssimo simpáticas e eu apercebi-me que afinal até se criam relações de proximidade entre os blogueiros (senão posso dizer "de amizade" para não desvalorizar esse sentimento, que tem de ser baseado em algo muito mais forte do que comentários em blogues e fugazes conversas no msn).

Tanta palha para publicar o post dela, claro está! Aqui vai:

"Poste dedicado á Salto Alto..

e poste dedicado à salto alto porquê perguntam voces?

"Porque sim"

E estava eu na madrugada de ontem, e quem diz madrugada fala em deitar-se as 10:30am.. a sacar filmes para ver durante o fim de semana... e na minha infindavel busca encontrei algo que me fez lembrar a menina salto alto:
é o titulo traduzido do filme "Because I Said So" (2007 - 97m)

SINOPSE
Ela é apenas um típica mãe galinha:
intrometida e amorosa.

Daphne Wilder (Diane Keaton) é uma mãe para quem o amor não conhece barreiras. Enquanto mãe solteira, criou três filhas fantásticas: a insegura mas adorável Milly (Mandy Moore), a psicóloga estável Maggie (Lauren Graham) e a sensual e irreverente Mae (Piper Perabo).
Para prevenir que a filha mais nova, Milly cometa os mesmos erros amorosos que ela cometeu, Daphne decide procurar o homem perfeito para a filha e, sem ela saber, coloca um anúncio on-line. Melhor que ninguém Daphe sabe o que a filha precisa e não precisa, num relacionamento estável. Mas o caos vai-se instalando à medida que a bem intencionada mãe vai fazendo as coisas erradas pelas razões certas... tudo por amor à filha.

Michael Lehmann (40 Dias e 40 Noites) realiza esta deliciosa e hilariante comédia romântica produzida por Paul Brooks e Jessie Nelson (responsáveis por filmes com Um Homem de Sonho, Viram-se Gregos para Casar e A Força do Amor) com a galardoada com Óscar, Diane Keaton (Alguém Tem de Ceder, Annie Hall) no principal papel e a talentosa cantora e actriz Mandy Moore no papel da sua filha mais nova.

REALIZADOR
Michael Lehmann

INTÉRPRETES
Diane Keaton, Mandy Moore, Gabriel Macht, Tom Everett Scott, Lauren Graham, Piper Perabo, Stephen Collins, Ty Panitz, Matt Champagne, Colin Ferguson, Tony Hale.


e porquê salto-alto? .... Porque sim.... ora"


Querida Pieces of me (Luna): Obrigada pela lembrança! :)

[vejo que compras os teus filmes na mesma loja que eu! ;)]

Teoria da Salto #2

No auge dos meus 23 anos (quase 24), não aprendi grande coisa. Que se aproveite, pelo menos. Mas ainda aprendi algumas coisitas. Ora, da categoria das "coisitas" que eu aprendi, várias são sobre homens. E tenho a dizer que de todas as minhas teorias, tenho especial prazer em comprovar publicamente essas (vá-se lá saber porquê).

Hoje foi um dia produtivo para a comprovação das minhas teorias (tenho tantas que qualquer dia hei-de fazer uma tese sobre cada uma delas).

A caminho da formação, o grupo do costume (4 mulheres e 3 homens) ia a subir uma avenida enorme. Claro está que, às 8 horas da manhã (e depois de uma viagem de 50 minutos de comboio), quem ainda não tinha tomado um forte café estava a morrer de sono e por isso não andava: arrastava-se.

Claro está que eu comecei a reclamar com as tropas. Não mandei (porque não sou mandona e não sei onde vão buscar essa ideia mas é um calúnia) mas emiti orientações perfeitamente facultativas no sentido de se optar por uma marcha mais rápida.

Resultou. Durante os primeiros 10 passos (e não é exagero). As meninas esforçavam-se (e algumas de tacões!), os homens iam ficando para trás a falar do Benfica e não sei quê de 8 golos para passar a não sei onde.

Daí que decidi comprovar uma das minhas teorias. Coloquei as mulheres presentes a par da mesma e pu-la em prática. Tudo com fins empíricos, claro!

Mas em que consiste a teoria? Ora bem: por experiência própria, sei que os homens têm uma capacidade de concentração muito limitada.

Sou ainda da opinião que o tempo que eles conseguem ouvir o que uma mulher diz (mas ouvir de "escutar" e não ouvir de "fala para aí que eu estou mas é a olhar-te para as mamas") é perfeitamente proporcional à vontade de a levar para a cama.

Se o homem quer e ainda não teve relações sexuais com a mulher em causa, vai ouvir tudo o que ela tem para dizer - e com atenção, pasmem-se! Se ele já lhe saltou em cima e (pelo menos naquele momento) já está satisfeito, deixa de a ouvir.

Aliás, se esse homem está numa relação séria, a capacidade dele de escutar a sua mulher (seja namorada, noiva ou esposa) diminui drasticamente, dando lugar a uma outra capacidade : a de reter apenas as palavras chave da conversa. Nem sempre são as palavras chave que interessam - e é aí que são apanhados.

Quando se trata de uma amiga - como era o caso hoje - eles tentam ouvir. Fazem o esforço. Mas como não querem uma relação mais séria com essa amiga, o seu cérebro detecta uma não obrigação de a escutar, e por isso eles até ouvem qualquer coisa, mas desligam. Não é por não quererem ouvir. É por inaptidão do cérebro para assuntos que não são do seu interesse naquele momento.
Então hoje, servindo-me dessa fraqueza masculina, eu disse-lhes:

- Andem lá, toca a apressar a marcha porque (num tom bem audível (a roçar no berro e entoando com gravidade o "porque") "na na na, na na na, na na na" (num tom baixo, que mal se ouviu).

Ora, como eles só ouviram a primeira parte da minha sugestão, e tendo eu entoado bem o "porque", eles pensaram realmente que havia um motivo forte e sério, deduzido pela gravidade da minha entoação. Pelo menos forte e sério o suficiente para correrem às 8h35 da manhã.

Vêm como tenho razão? Funcionou!


(obviamente que exagerei em algumas partes. Tenho amigos homens que me escutam e conversamos imenso e não querem mais nada de mim além de amizade. Não levem o que eu escrevo tão a sério.)

quinta-feira, 4 de dezembro de 2008

Arre!

Apercebemo-nos de que já escrevemos demasiados posts quando:

- o número de posts ultrapassa o número de dias que tem o mês (ninguém diria que tenho uma vida social, quanto mais uma tão activa como a minha, o que me faz dizer a mim mesma "Agora já sabes porque não dormes quase nada");

- não temos tempo para conciliar as visitas e os comentários nos blogues do costume e as respostas aos comentários no nosso próprio blogue;

- decidimos organizá-los optando pelo método das etiquetas.

Arre que isto nunca mais acaba! (e desconfio que nem a meio cheguei!)



NOTA (porque sei que nem todos vão ler as respostas aos comentários):

PEÇO IMENSA DESCULPA A TODOS mas não tem sido possível responder aos vossos comentários! Eu bem tento, mas com tudo isto:

* comboio às 7h44,
* formação da OA das 9h às 12h45,
* viagem de regresso das 13h44 às 15h,
* chegada a casa às 15h30
* almoço entre as 15h30 e as 15h45 (às vezes 16h, se não for só aquecer comida congelada ou restos do jantar da noite anterior),
* ir para o escritório de tarde, ir para o tribunal ou ficar a estudar;
*ter vida social e ainda poder ver uma ou outra série,
* e dormir,

não consigo mesmo ter tempo para vos responder. Responder aos vossos comentários aqui implicaria abdicar de ler e comentar os vossos blogues, e por isso entendo preferível comentar os vossos blogues, mostrar que estou presente e gosto de os visitar e deixar a minha opinião.

Agradeço a compreensão.

Só uma informação

porque acredito que o sentimento confusão seja compreensível. Eu sou a Salto-Alto. que vocês já reconhecem e vão conhecendo aos poucos. Estou no blogger desde Abril de 2008, ainda com o meu perfil antigo (este), quando ainda tinha este avatar, que alguns de vocês reconhecerão:
Entretanto criei uma nova conta do blogger, esta que uso, que data de Maio de 2008, como podem comprovar aqui.

Antes de escolher o meu nome blogosférico (vulgo, nick), dei-me ao cuidado e ao trabalho de pesquisar e de certificar-me que esse nome ainda não existia, por respeito aos outros que já tinham escolhido esse nome e por uma questão de identidade própria.

Por isso venho aqui esclarecer que não, que não sou uma tal de Saltos Altos Vermelhos, que anda pelo blogger apenas desde o mês passado. Uma conta criada muito depois de mim. Quando me chamaram a atenção para a mesma e fui ver, até o avatar era semelhante.

Sou a Salto-Alto, apenas e original, que anda aqui desde Abril de 2008 (em Maio com esta conta), autora em 3 blogues, com estilo, escrita e ideias próprias.

O meu blogue é meu e é muito próprio. Já se sabe que muitas mulheres gostam de sapatos e têm essa tara. Mas dentro dos lugares comuns há que primar pela originalidade e pelo respeito.

Não estou a querer menosprezar ninguém nem a dizer que sou melhor ou pior por ter conta há muito mais tempo. Só quero continuar a ter a individualidade que me é própria e a originalidade e estilo de escrita que me são reconhecidos. Por favor não confundam.
É só.

Tias

Na Escola:

Qual é a diferença entre uma tia burra e uma tia inteligente?


É que a tia burra passa para o caderno o que a professora e escreve no quadro, mas quando a professora apaga, ela apaga também.


A tia inteligente não passa, porque já sabe que a professora vai apagar.


Pão

P: Qual é a diferença entre um pão e uma tia?


R: O pão tem miolo.


Teste de gravidez


- Bom dia, doutor! Pode dar-me o resultado do meu teste de gravidez?


- Negativo! - responde calmamente o médico.


A tia furiosa:


- Ah, é?! Então vou consultar outro médico!


Conta quilómetros

Uma tia queria vender o seu carro velho mas tinha muitas dificuldades porque o mostrador acusava 250.000 Km. Após muito reflectir, ela decide pedir um conselho a uma amiga, que lhe perguntou:

- Estás pronta para fazer algo ilegal?

- Sim! - respondeu a tia - Quero vendê-lo, custe o que custar!

- Então, vais ter com o meu amigo que é mecânico. Ele vai colocar o teu contador de quilómetros em 50.000 Km.

A tia vai ao tal mecânico e este coloca de novo o contador em 50.000 Km.

Alguns dias mais tarde, a amiga pergunta à tia:

- Vendeste o carro?

- Estás doida? Agora que ele só tem 50.000 Km, fico com ele!


Sapatos de tia

Uma tia foi ao centro comercial comprar um par de sapatos de jacaré legítimo. O vendedor informou-a do preço:

- São 500 euros!

- O quê? Não é possível... Não há outra maneira de conseguir um par de sapatos de jacaré legitimo?

- Humm, acho que sim... - respondeu o vendedor - Eu conheço um lago aqui perto onde há alguns jacarés. A senhora pode ir até lá caçar um deles e fica com o seu próprio sapato!

A tia , decidida, disse que iria até ao tal parque caçar os jacarés para conseguir sapatos legítimos!

No início, o vendedor não acreditou, mas resolveu ir ao parque verificar se ela estava por lá.

Quando chegou, viu a tia dentro do pântano, a dar um tiro num jacaré enorme e arrastando-o até à margem, onde estavam mais ou menos uma dúzia de jacarés mortos.

Espantado, sem acreditar no que estava a ver, o vendedor viu a caçadora tia com muita dificuldade em tirar o jacaré morto da água e exclamar, com cara de decepção:

- Mas que porcaria! Outro sem sapatos!


Roubo

Uma tia liga para o 112 para participar um assalto ao seu carro.

Completamente histérica gritava:

- Roubaram-me o tablier, o volante, o travão, até o acelerador levaram!

- Calma - diz a voz do outro lado - dentro de 5 minutos estará aí um agente da PSP.

Ainda não tinham passado 2 minutos, a tia liga novamente e diz:

- Olhe, deixe estar! Afinal sentei-me no banco de trás por engano...


Amostra

Uma tia foi fazer exame de fezes e colocou a latinha com o conteúdo em cima do balcão. A recepcionista disse-lhe:

- Pode colocar o nome, por favor?

A tia não hesitou e escreveu: "Merda".


Um olho

Duas tias passeiam num parque quando uma diz:

- Oh! Olha para aquele cão só com um olho!

A outra, tapando um olho com a mão, pergunta:

-Onde? Onde?


(piadas recebidas via e-mail)

quarta-feira, 3 de dezembro de 2008

Fumar:

(como eu deixei num comentário no blogue do Fénix):

Fumar:


- põe os dentes escuros;

- deixa hálito a lareira;

- amareleça as unhas;

- faz manchas na pele;

- é feio;

- não é nada sexy, como tentam transparecer;

- é feio;

- é mau para a saúde;

- provoca uma tosse irritativa e estúpida;

- faz gastar imensos eurinhos que seriam bem melhor aproveitados num livro;

- é feio;

- polui o ar e o chão com fumo e cinzas;

- faz beatas;

etc etc etc.

Deixa de fumar.

terça-feira, 2 de dezembro de 2008

Ai a nossa vida...

Diz-nos ela isto:

"Estou cansada... Ter de passar a levantar-me, do quentinho, às 06:15 da madrugada é de mais para mim... Isso e sair de casa ainda noite, para frio (estavam -2ºC), fazer mais de duas horas de viagem, por dia, assistir a aulas ranhosas e ter de almoçar às 15 horas é (**** *** ***** * *******) coiso.

Note-se ainda que tinha as mãos congeladas e não conseguia escrever o que estavam aqueles senhores a falar. Acresce-se o facto que ter de andar com as pontas dos pés congeladas é uma provação (vou para o céu, certamente), de salto-alto (neste aspecto é garantidinho!), apenas, quase cair umas três vezes e ficar com o salto preso na calçada umas cinquenta é algo que me dará o estatuto de santa, após vos privar da minha companhia terrena... E, ter de esperar uma hora pelo comboio, para vir embora, é estúpido que chegue para pôr qualquer anjo mal-disposto. E hoje ainda é o primeiro dia dos próximos seis meses..."

Ai tu estás farta? Estás farta? Pois estás porque foi um dia loongo e cansativo e ainda esperaste imenso tempo por mim na estação. Cá vai a minha versão desta mesma metade de dia descrita pela Alguém:

6h10 - toca o primeiro despertador (o do telemóvel Vodafone*);

6h12 - toca o segundo despertador (o do telemóvel TMN*);

6h15 - começo a mentalizar-me que tenho que acordar;

6h15 mais 5 segundos - ligo o aquecedor;

6h20 - toca o terceiro despertador (Rádio). Música horrorosa que não me sai da cabeça durante o resto do dia;

6h21 - saio da cama;

6h22 - tomo o duche mais rápido da história, só mesmo para aquecer e acordar, porque desde há uma semana atrás que comecei a treinar-me a tomar banho à noite, senão nunca estaria pronta a horas para apanhar o comboio;

6h32 - (se calhar até nem era o duche mais rápido da história, agora que penso nisso... adiante.) ponho café e água na máquina;

6h32 mais uns segunditos - ponho pão de forma na torradeira;

6h34 - ponho o café feito na minha chávena preferida e adiciono leitinho;

6h35 - tomo o pequeno-almoço;

6h40 - visto-me, maquilho-me e ponho os acessórios necessários [claro está que a indumentária completa (roupa, meias, calçado, bolsa, cachecol, brincos, relógio) já tinha sido seleccionada e devidamente conjugada na noite anterior, senão bem que ia com uma meia de cada cor e com os olhos manchados porque a esta hora da manhã ainda só acordaram os meus neurónios que distinguem a água quente da fria, o café do chocolate e a manteiga da marmelada]

7h05 - saio de casa;

7h08 - chego a casa da minha amiga e vizinha Super Poderosa;

7h10 - constatamos que não foi boa ideia deixar o carro fora da garagem porque está completamente gelado. De facto, sobre todo o carro está colada uma película grossa de gelo que resiste à água;

7h12 - depois de conseguirmos parar de nos rir, damos início ao processo de descongelação do carro (lindo de dizer e ainda mais de presenciar);

7h15 - finalmente descongelamos 10 centímetros da parte superior do vidro da frente. O resto estava completamente branco. Mas tínhamos de começar a andar senão perdíamos o comboio;

7h17 - com os vidros totalmente ofuscados pelo gelo, começamos a circular a 5 km/hora, com os vidros abertos (estavam, nesse momento, 0,5 graus negativos para poder ver para a frente e para trás;

7h20 - quem passava por aquela estrada naquele momento viu um carro a circular a 10 km/hora e nós as duas, à turista, passeávamos de vidraça toda para baixo e de cabeças de fora;

7h22 - essas pessoas tiveram ainda a feliz sorte de ouvir os nossos gritos indicativos: "10 centímetros mais para a esquerda ou vais contra o meco!", "olha que atropelas o senhor peão!", "Ui, esqueci-me da minha sandes em casa!", "ó senhor, saia da frente que eu não vejo e o comboio não espera"!, etc etc etc. Ah, e gargalhadas;

7h40 - chegamos à estação. Como nem um bocadinho do gelo do vidro de trás tinha ainda descongelado, foi uma beleza estacionar. Mais berros, espreitadelas para frente e para trás, cabeças fora do vidro, etc etc;

7h43 - finalmente chegamos à bilheteira. Só temos 2 pessoas à nossa frente;

7h43 mais segundito, menos segundito - Super Poderosa: "Olha, porque é que as pessoas estão a correr para o comboio?" Salto-Alto: "Oh, deixa lá isso, está mas é atenta à fila que essa gaja está a tentar meter-se!";

7h44 - o comboio parte e nós com 1 bilhete na mão (eu ainda não tinha comprado o meu).

Depois de gelarmos mais 20 minutos na estação, lá apanhamos o comboio seguinte. Graças à TMN e ao Moche (e aos meus connects que me arranjaram o tarifário a 5 euros por mês), falamos com os nossos amiguinhos pontuais (nos quais se inclui a querida autora do texto supra publicado) e obrigamo-los a esperar por nós para assim chegarmos todos atrasados ao nosso compromisso - sim, porque todos atrasadinhos é bonito e harmonioso, além de que nós precisávamos de alguém que soubesse o caminho.

Claro que hoje foi o nosso dia de sorte e por isso ao nosso lado ia uma senhora que berrava (tentava cantar, mas sem sucesso, até dava dó) as músicas do musical "Mamma Mia" enquanto tricotava o que parecia ser um naperon apanhado num dia mau. Péssimo, aliás.

Quando finalmente chegamos ao nosso destino, o nosso querido amigo Bloguótico tinha decidido dar uma de motorista que espera celebridades. Vai daí, quando saímos do comboio deparamo-nos com um senhor muito bem vestido, elegantérrimo (assim uma espécie de James Bond vai de sobretudo ao tribunal), nestas figuras:


Quanto ao resto do dia, nem vou comentar... Foi tudo muito giro, diverti-me imenso, andei exausta porque há 3 noites que durmo apenas 5 horas, a viagem foi looonga e eu já estava a cair de sono mas tudo correu bem. E ainda houve tempo para ver bolsas e sapatos.

Como dizia o outro, "tudo está bem quando acaba bem" - claramente o senhor nunca teve de andar de comboio de madrugada quando estão temperaturas negativas e quando se dormiu pouco. Parvalhão. E ainda se põe com estes dizeres, que diz que são bonitos e acabam por ser frases populares. Cretino.


* A partir de agora a publicidade paga-se, sim? Não estou para isto. Assim nunca mais tenho o meu primeiro par Louboutin.